|

Notícias

Notícias em destaque
8
mar

Seminário aborda Psicologia e políticas públicas nas relações com as identidades trans

 

As demandas de saúde de transexuais têm sido objeto de debates nos mais diversos fóruns, do movimento social à gestão pública, colocando o desafio de rever os atuais modelos de cuidado para atender as necessidades de saúde integral desta população, sem, contudo, patologizar as vivências trans. Nesse contexto, o Sistema Conselhos de Psicologia promove o do seminário “As identidades trans, as políticas públicas e as contribuições da Psicologia”, que acontece no dia 14 de março, das 9h às 17h horas, na sede do CRP-06, em São Paulo.

O objetivo do evento é fomentar a construção de orientações éticas e técnicas para a prática profissional por meio de concepções e práticas com um olhar pautado na afirmação da vida, defesa dos direitos humanos e na promoção da autonomia das pessoas.  A iniciativa é uma parceria entre o Conselho Federal de Psicologia (CFP), do Conselho Regional de Psicologia de São Paulo (CRP-06) e do Espírito Santo (CRP-16), a partir de uma deliberação da última reunião de presidentes de Conselhos Regionais, realizada em dezembro de 2012.

As inscrições para participação presencial são gratuitas e podem ser feitas a partir desta quarta-feira (6/3) pelo site http://www.crpsp.org.br/seminariotrans/Dados.aspx. O evento também será transmitido online, nos sites do CFP, CRP-06 e CRP-16.

 

Programação

A abertura do encontro será feita pelo presidente do CFP, Humberto Verona, às 9 horas. Estão previstas as participações de representantes do Ministério da Saúde, Federação Nacional dos Psicólogos (Fenapsi), Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT), Articulação Nacional das Transgêneros (ANTRA) e Associação de Homens Trans.

Os debates começam às 10h, com a mesa sobre “Políticas públicas, saúde mental e processos transexualizadores”. Nela será discutido o contexto geral sobre identidades trans, com enfoque nas políticas públicas. O objetivo é falar a construção das identidades e subjetividades, abordado a questão da vivência trans, da autonomia dos usuários e da bioética.

A série de discussões ocorre também no período da tarde, às 13h30, com a mesa “Panorama dos serviços”, cuja ideia é dar o cenário dos serviços de saúde em relação ao que cada centro de referência tem feito e como está a atuação da Psicologia neste cenário.

O tema “Limites e desafios da atuação da Psicologia”, às 16h, encerrará a roda de conversas do seminário. O diálogo deverá abordar o trabalho dos psicólogos e psicólogas em diferentes contextos onde seja necessário atendimento qualificado para as pessoas trans, a exemplo das clínicas, centros de referência e outros serviços de saúde.

 

Serviço:

Seminário “As identidades trans, as políticas públicas e as contribuições da Psicologia”

Onde: Sede do CRP-06, na Arruda Alvim, 89 – São Paulo/SP

Horário: 9h

Inscrições gratuitas no site http://www.crpsp.org.br/seminariotrans/Dados.aspx.

  

Fonte: Assessoria de Imprensa – Assessoria de Comunicação do Conselho Federal de Psicologia