|

Notícias

Notícias em destaque
16
out

Brasil carece de profissionais graduados na área de Educação

O compromisso do Estado brasileiro com a educação está formalizado no artigo 205 da Constituição Federal de 1988, onde se lê que "A educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho."

Para que isso ocorra é indispensável a boa atuação dos professores, personagens centrais em todas as fases da educação formal.

Dados recentes mostram que há um déficit nas Escolas brasileiras de 170 mil Professores apenas nas áreas de Matemática, Física e Química. 

Os dados mostram, ainda, que existem 46 mil professores que integram a rede, mas não possuem formação específica em nenhuma das disciplinas. Há, também, cerca de 61 mil professores fora da sala de aula (dos quais 40 mil em atividades administrativas, 16 mil em outros tipos de afastamento e 5 mil cedidos a outros órgãos não relacionados à área educacional).

As Faculdades Integradas da Vitória de Santo Antão – FAINTVISA – iniciou-se com a necessidade de formar profissionais na área de ensino. Hoje a faculdade oferece as licenciaturas nas áreas de Letras, Biologia, Matemática, Geografia, História e Pedagogia. São 42 anos formando profissionais para todo o Estado Pernambucano.

O Brasil aprovou o Plano Nacional de Educação que prevê dobrar os gastos com educação em um período de dez anos. O passo decisivo, feito por países como Finlândia e Coreia do Sul, foi transformar a profissão de docente em prioridade nacional. É uma boa hora para começar. Vagas e futuros bons professores não faltam.

As inscrições para o vestibular FAINTVISA 2015.1 começam no próximo dia 20 de outubro. Não fique fora dessa história!

 

Priscylla Ingrend | DCM